jump to navigation

Arquivo Cupopin – Crítica de Filme: O Lutador Outubro 26, 2009

Posted by zaboobs in Resenhas de Filme.
Tags: , , , , , , , ,
trackback

the_wrestler_one-sheet_movie_poster_O Lutador (The Wrestler)

Nota:  4 HR’s

EUA, 2008 – 115 min
Drama

Direção: Darren Aronofsky

Roteiro: Robert D. Siegel

Elenco: Mickey Rourke, Marisa Tomei, Evan Rachel Wood, Mark Margolis, Todd Barry, Wass Stevens, Judah Friedlander, Ernest Miller

Vou começar dizendo Marisa Tomei! Depois eu explico.

O que dizer deste filme “diferente” por falta de outra palavra o qual me fez pensar muito mais nele nos dias seguintes do que no momento logo após a sessão. Geralmente logo após terminar o filme eu já tenho uma idéia sobre ele, sobre o que escrever, qual a minha opinião, qual a nota que pretendo dar essas coisas, mas com “O Lutador” tudo isso foi um pouco mais complicado. À medida que os dias iam passando eu comecei a nutrir boas lembranças do filme e ele foi crescendo em conceito, devo admitir que hoje gosto mais do filme de que quando eu sai do cinema. Acredito que se deve ao fato de que este filme é daqueles que você precisa pensar, analisar e realmente colocar os neurônios pra funcionar.

Não se trata de mais um enlatado americano, mas sim de um filme retratando a trajetória de um homem que se dedica a fazer aquilo que gosta, sem se importar com as conseqüências, provavelmente por que no fundo fazer o que ele gosta é tudo que ele tem. Na maioria das vezes nos fazemos coisas que não gostamos para ganhar um dinheirinho para ai sim durante um breve período fazer o que gostamos. Em “O Lutador” é diferente, ele se dedica de coração e alma a fazer o que gosta, obviamente não sem sacrifícios.

Depois desta introdução melosa vamos aos demais pontos do filme.

Mais especificamente Marisa Tomei, sim ela esta um arraso, de cair o queixo, iradassa, e supermega gostosa. Pronto nada mais tenho a dizer dela, ah quase me esqueci de dizer que a atuação dela ta bem bacana mas quando comparado as suas peripécias no “clube noturno” nada mais importa.

A relação de The Ram (Mickey Rourke) e sua filha (Evan Rachel Wood) é muito bem colocada e as cenas em que os dois estão interagindo realmente passam a emoção do momento e te fazem torcer pelo personagem (ainda estou com raiva do Randy…ao verem o filme saberão ao que me refiro).

O filme também trás uma pitada de humor bem colocada e de muito bom gosto (bom gosto no que se refere a bom gosto pra mim, obviamente). Cenas como a do “Get a room?” são hilários, podemos citar aquele que The Ram acorda num quarto estranho e sai de fininho e ainda tem a cena da cliente chata querendo algo como salada alemã “A Litlle more.” “A Litlle less.” Hahahaha…realmente muito boas.

O Filme é bom, bem divertido e te faz pensar bastante, cada vez que penso nele quero aumentar a nota, mas vou ficar com 4 mesmo, ele é bom mas ainda assim não chega ao extraordinário e muito menos ao ordinário.

Att,

Zaboobs

Comentários»

1. JuniorMatos - Abril 19, 2010

Gostaria de te convidar para partipar de uma rede de conteúdo, caso tenha interesse me adiciona no msn smatosjr@gmail.com ou me manda um email. Abs, Matos.


Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: